Agricultura familiar e agroecologia no contexto dos países lusófonos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.7769/gesec.v14i11.2693

Palavras-chave:

Produção Familiar, Manejo Agrícola Sustentável, Nações Lusófonas, CPLP

Resumo

A tendência positiva registada nos últimos anos não supera e nem deve ignorar ou camuflar uma realidade preocupante e comprometedora socialmente, que é a subnutrição permanente. Esta se apresenta como um problema grave nos países lusófonos e implica que sejam tomadas medidas urgentes para o devido combate e a necessária prevenção. Diante dessa problemática, o presente artigo tem como escopo central apontar a importância da agricultura familiar e da agroecologia na produção de alimentos no Brasil e nos países Lusófonos da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, como uma estratégia mitigadora da problemática supracitada. Para tanto, esta pesquisa adotou o método procedimental bibliográfico com abordagem qualitativa em relação à problemática e estudo exploratório de natureza básica em relação aos objetivos pretendidos. No tocante a coleta de informações, adotou-se a técnica da revisão de literatura. Quanto aos resultados, conclui-se que nos países lusófonos estudados apesar do agricultor familiar representar a maioria nos trabalhos campesinos, este ainda enfrenta dificuldades no acesso a créditos e a tecnologias sendo de extrema importância a existência de políticas públicas voltadas para essa realidade. Por seu turno, a agroecologia é o instrumento que agrega à produção familiar, o aprimoramento e a melhoria do produto, respeitando as interações ecológicas e os conhecimentos tradicionais que são transmitidos entre as gerações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ACTUAR. Associação para a Cooperação e o Desenvolvimento. A Agricultura Familiar na Comunidade de Países de Língua Portuguesa: o que é, como mensurá-la e que políticas públicas para a sua promoção, 2014, 54p. Disponível em: <http://www.pccplp.org/uploads/5/6/8/7/5687387/agricultura_familiar_na_cplp.pdf>.

ALTIERI, M. Agroecologia: a dinâmica produtiva da agricultura sustentável, 4ª edição, Porto Alegre Editora da UFRGS, 2004, 120p.

AGENCIABRASIL. FAO e países lusófonos querem impulsionar agricultura familiar, 2019. Disponível em: <https://agenciabrasil.ebc.com.br/internacional/noticia/2019-07/fao-e-paises-lusofonos-querem-impulsionar-agricultura-familiar#>.

AFD. A AFD e São Tomé e Príncipe: apoiar o setor agrícola, 2023. Disponível em: <https://www.afd.fr/pt/page-region-pays/sao-tome-e-principe>.

AZEVEDO, R. A. B. 2017. Sucessão ecológica, entropia e o modelo autonomia-heteronomia para análise dos sistemas agrícolas. Redes - Santa Cruz do Sul: Universidade de Santa Cruz do Sul, v. 22, n. 2, 2017. DOI: 10.17058/redes.v22i2.9409

BAESSA, E. O. dos S. Produção agrícola e segurança alimentar em Cabo Verde: alternativas para reorientar e fortalecer o desenvolvimento rural sustentável, 70f. (Dissertação). Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, Mato Grosso do Sul, 2020.

BAD. Banco Asiático de Desenvolvimento. Fazer crescer a economia não petrolífera (uma avaliação do setor privado para Timor-Leste, 2015). Disponível em: <https://www.adb.org/sites/default/files/institutional-document/161516/tim-growing-non-oil-economy.pdf>.

BRASIL. Lei 11.326, de 24 de julho de 2006. Estabelece as diretrizes para a formulação da Política Nacional da Agricultura Familiar e Empreendimentos Familiares Rurais. Diário Oficial da União, dia 25/07/2006. Disponível em: <https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2006/lei/l11326.htm>.

BRASIL. FAO lança Ano Internacional da Agricultura Familiar 2014. Disponível em: <https://brasil.un.org/pt-br/64332-fao-lan%C3%A7a-ano-internacional-da-agricultura-familiar-2014.

CAPORAL, F. R.; COSTABEBER, J. A. Agroecologia: alguns conceitos e princípios. Brasília:MDA/SAF/DATER-IICA, 2004, 24p. Disponível em: <https://www.fca.unesp.br/Home/Extensao/GrupoTimbo/AgroecologiaConceitoseprincipios.pdf>.

CAPORAL, F. R.; PAULUS, G.; COSTABEBER, J. A. Agroecologia: uma ciência do campo da complexidade, Brasília: 111p. Disponível em: <https://www.bibliotecaagptea.org.br/agricultura/agroecologia/livros/AGROECOLOGIA%20%20UMA%20CIENCIA%20DO%20CAMPO%20DA%20COMPLEXIDADE.pdf>.

CARVALHO, M.; GARRIDO, C.; NASCIMENTO, E. DO; PEREIRA, E. A. São Tomé e Principe - Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação. Agroecologia na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Informativo 3, edição especial, 2021. Disponível em: https://www.fao.org/3/cb6971pt/cb6971pt.pdf

CORREIA, A. M. A Agricultura familiar versus a agricultura de subsistência no âmbito da segurança alimentar no espaço dos países da CPLP. Instituto Superior de Agronomia, 2013, 16p. Disponível em: <https://www.repository.utl.pt/bitstream/10400.5/10738/1/REP-Correia%20M. A%20AGRICULTURA%20FAMILIAR.pdf>.

CONEXAOLUSOFONA. Agricultura familiar pode acabar com a fome nos países da CPLP. Disponível em: <https://www.conexaolusofona.org/agricultura-familiar-pode-acabar-com-a-fome-nos-paises-da-cplp/>.

CPLP. Situação da governança da segurança alimentar e nutricional e papel da agricultura familiar nos países da CPLP, 2013, 74p. Disponível em: <http://www.cplp.org/files/filer/cplp/fao/estudo-cplp-maro-2013-verso-longa.pdf>.

DEUS, C. DE.; CARVALHO, M. L. DA S.; NARCISO, V.; SHIKIDA, P. F. A.; LUCAS, M. R.; HENRIQUES, P. D. O bem-estar dos agregados familiares rurais em Timor-Leste: uma abordagem baseada na programação linear etnográfica. Revista de Economia e Sociologia Rural, v.59, n. 1, 2021.

DEUS, N. de. Moçambique - Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação. Agroecologia na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Informativo 3, edição especial, 2021. Disponível em: https://www.fao.org/3/cb6971pt/cb6971pt.pdf

FAO. Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação. Agroecologia na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Informativo 3, edição especial, 2021. Disponível em: https://www.fao.org/3/cb6971pt/cb6971pt.pdf

FAO. Organização das Nações Unidas para Alimentação e a Agricultura. FAO em São Tomé e Príncipe, 2017. Disponível em: <https://www.fao.org/sao-tome-e-principe/noticias/detailevents/pt/c/1072060/#:~:text=O%20sector%20agr%C3%ADcola%20em%20S%C3%A3o,desde%20os%20prim%C3%B3rdios%20da%20independ%C3%AAncia>.

GOULÃO, L. F. Interventions in agriculture to benefit nutrition and health in Portuguese-Speaking Countries. Biomedical and Biopharmaceutical Research. 2016; (13) 1:55-68.

GOVPT. República Portuguesa. Agricultura Familiar: Estatuto da Agricultura Familiar (EAF), 2021. Disponível em: <https://agricultura.gov.pt/agricultura-familiar>

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo Agropecuário de 2017. Agricultura familiar. Disponível em: <https://censoagro2017.ibge.gov.br/2012-agencia-de-noticias/noticias/25786-em-11-anos-agricultura-familiar-perde-9-5-dos-estabelecimentos-e-2-2-milhoes-de-postos-de-trabalho.html>.

INECV. do Instituo Nacional de Estatística de Cabo Verde. Anuário Estatístico de Cabo Verde (AECV) de 2016, 2017, 301p. Disponível em: <https://files.aho.afro.who.int/afahobckpcontainer/production/files/aecv-2016-1.cleaned.pdf>.

Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação. Agroecologia na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Informativo 3, edição especial, 2021. Disponível em: https://www.fao.org/3/cb6971pt/cb6971pt.pdf.

KITAMURA, P. C. Agricultura sustentável no Brasil avanços e perspectivas. Ciência & Ambiente, v.27, p.1-22. Disponível em: <https://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/163893/1/Kitamura-Agricultura-6406.pdf.pdf>.

MARANHÃO, C.; FELIPPE, M.; MEDEIROS, G. Brasil - Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação. Agroecologia na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Informativo 3, edição especial, 2021. Disponível em: https://www.fao.org/3/cb6971pt/cb6971pt.pdf.

MAPA. Ministério da Agricultura e Pecuária. Agricultura Familiar, 2023.Disponível em: <https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/mda/agricultura-familiar-1>.

MOSCA, J. Agricultura familiar em Moçambique: ideologias e políticas. Revista NERA, v. 20, n. 38, Dossiê, pp. 68-105. Disponível em: .

MUNDOLUSIADA. FAO e países lusófonos querem impulsionar agricultura familiar, 2023. Disponível em: <https://www.mundolusiada.com.br/cplp/fao-e-paises-lusofonos-querem-impulsionar-agricultura-familiar/>.

SANTOS, C. F. DOS; SIQUEIRA, E. S.; ARAÚJO, I. T. DE; MAIA, Z. M. G. A agroecologia como perspectiva de sustentabilidade na agricultura familiar, Ambiente & Sociedade, v.17, n.2, p. 33-52, abr.-jun. 2014. Disponível em: <https://www.scielo.br/j/asoc/a/Q8YfrW7m6mLWBWBcmcbKKrQ/?lang=pt>.

SAL, A. T. Guiné-Bissau - Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação. Agroecologia na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Informativo 3, edição especial, 2021. Disponível em: https://www.fao.org/3/cb6971pt/cb6971pt.pdf.

SARMENTO, F. Situação da governança da segurança alimentar e nutricional e papel da agricultura familiar nos países da CPLP. Síntese. Documento de trabalho FAO, 2013, 54p.

PEREIRA, F.; SOARES, F. Timor-Leste - Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação. Agroecologia na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Informativo 3, edição especial, 2021. Disponível em: https://www.fao.org/3/cb6971pt/cb6971pt.pdf.

PIMBERT, M. Mulheres e soberania alimentar. Revista Agriculturas, v. 6, n.4, p. 4-8, dez. 2009.

PORTUGAL-LIVE. Agricultura e pesca, 2023. Disponível em:<https://www.portugal-live.net/pt/portugal/factos/economia/agricultura-pesca.html>.

SCHNEIDER, S. A importância das políticas públicas para as políticas públicas no Brasil. Revista de Políticas Públicas, n. 3, 2007.

SCHMELING, G. dos S. (In)segurança alimentar: o papel da cooperação Sul-Sul entre Brasil e Moçambique para o combate à fome (2007-2022), 85f (Dissertação). Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, RS, 2023. Disponível em: <https://repositorio.ufsm.br/bitstream/handle/1/27841/Shmeling_Guilherme_dos%20Santos_2023_TCC.pdf?sequence=1>.

TARRAFA, L.; SANTOS, H. DOS.; COSTA, C. A. DA. Portugal - Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação. Agroecologia na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Informativo 3, edição especial, 2021. Disponível em: https://www.fao.org/3/cb6971pt/cb6971pt.pdf.

VOGT, S. P. C.; PANDOLFO, M. C.; BALLIVIÁN, J.M. P.; SOUZA, J. C. D. Agroecologia e Desenvolvimento. Rural Sustentável, v. 5, n. 1, p. 48-54. 2012.

Downloads

Publicado

2023-11-09

Como Citar

Pinto, O. R. de O., Pinto, C. de M., Amorim, A. V., de Aguiar, M. I., Costa, C. T. de A., da Luz, L. N., de Oliveira, E. G., & Novaes, A. M. C. (2023). Agricultura familiar e agroecologia no contexto dos países lusófonos. Revista De Gestão E Secretariado, 14(11), 19570–19587. https://doi.org/10.7769/gesec.v14i11.2693